O uso de mídia social por médicos e os direitos dos pacientes

By | 7 de novembro de 2017

O médico Sarmad Chaudhry chama atenção para o uso de mídias sociais por médicos e seu impacto nos direitos dos pacientes.

Reconhecidas organizações médicas, como o Colégio Americano de Médicos  e a Associação Britânica de Médicos elaboraram suas próprias diretrizes para nortear a interação  entre médicos e pacientes nas mídias sociais. Essas diretrizes fornecem fundamentos para a construção de padrões éticos e eventualmente legais.  Para Chaudhry, é o momento de se empenhar efetivamente para inserir e consolidar a ética na educação médica, bem como na formação profissional. Importante também que a comunidade médica se ocupe da disseminação na sociedade e entre seus pares do respeito aos direitos dos pacientes e efetive esforços no sentido de protegê-los.

Ainda, de acordo com Chaudhry, é responsabilidade da comunidade médica iniciar um diálogo sério sobre o desrespeito dos direitos dos pacientes na relação de cuidado em saúde. A ausência de diálogo e de formas de implementá-los encoraja a sociedade a buscar meios não convencionais para expressar suas preocupações sobre violações de direitos dos pacientes.

 

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *